REVIEW | Flash Rebirth #1


Com roteiro de Joshu Williamson e arte de Carmine Di Giandomenico, Flash – Rebirth #1 inicia sua história com Barry Allen e os agentes do departamento de policia de Central City investigando um caso de homicídio muito semelhante ao da sua mãe, Nora Allen. Isto abala Barry, que começa a ter visões, sendo uma das primeiras a ver Eobard Thawne (Professor Zoom) à sua frente, revendo inclusive quando o impediu de matar sua mãe.The Flash - Rebirth (2016) 001-006 cópia cópia

Durante a história toda o velocista comenta que anda tendo dores de cabeça, abalos emocionais e visões de algo que possa ter acontecido ou vai acontecer. Seu pai, Henry Allen, que agora sabe que ele é o Flash, devido aos acontecimento na fase DC YOU onde ele enfrentou Thawne mais uma vez, que ao mesmo tempo possui um novo começo e motivação para odiar Barry e toda sua família.

Basicamente a história conta o que ocorreu antes que Wally West aparecesse para Barry. Tendo em vista que Wally tentava contado com outras pessoas e isso abalava a Força de Aceleração, Barry era diretamente afetado, isto é, vinha tendo pequenas visões do que na verdade era o Flashpoint.

Após novamente mostrar o reencontro dos velocistas, ambos conversam sobre as alterações temporais que ocorreram e do ser que tenha provocado elas. Allen quer contar a Iris sobre Wally, mas ele o impede, explicando que isto poderia ter um efeito contrário do que esperavam.

Barry ainda conta que há um novo Kid Flash, que já sabemos se tratar do outro Wally West, e portanto o codinome “Kid” não poderia ser usado por ele, no entanto, continua Allen dizendo que agora Wally é um verdadeiro FLASH. Assim, temos que Wally usará o codinome de Flash, assim como seu antecessor.

A HQ finaliza com dois agentes do departamento conversando sobre como Barry é afetado por casos como aquele, e enquanto dialogam é possível ver uma imagem distorcida de um corredor na cor amarela e vermelha, o que leva a crer que Thawne escapou da prisão de Iron Heights e está de volta.

The Flash - Rebirth (2016) 001-017 cópia cópia

Crítica

A história começou com o pé direito, foi uma bela introdução e demonstrou que o Velocista Escarlate mais uma vez será o carro chefe dessa fase da DC Comics, portanto podemos aguardar grandes arcos do herói.

Wally chegou matando a saudade de todos os leitores mais velhos, e apenas este primeiro capítulo demonstrou que ele será de grande importância em toda a fase, ainda poderemos vê-lo junto ao Titãs, o que é uma ótima notícia.

No que se refere a arte, () trabalhou bem, um traço que combina com o herói, inclusive o colorido utilizado foi bem interessante.

Os contras quanto a HQ ficam mais nos receios do que está por vir, será que Eobard Thawne irá ter participações marcantes? Daniel West foi extremamente rebaixado por Thawne na fase DC YOU, sendo considerado por ele uma vergonha para os velocistas (principalmente para os Reversos), portanto será que ele não irá mais aparecer? E ainda, Zolomon Hunter (Zoom) poderá ser introduzido novamente? Visto que sua contra-parte, Wally West, está de volta?

 

A nota para Flash – Rebirth #1: 10/10.

Christian

Curso Direito, gosto de criar o caos opinando sobre política (Imposto é roubo), sou fã de quadrinhos em especial o Flash e é isso ai

%d blogueiros gostam disto: