932 views 1 comment

BOB ESPONJA | Uma história de origem sombria

by on Maio 11, 2017
 

Muita gente conhece e ama Bob Esponja, certo?

Porém, assim como todo desenho inocente dos dias de hoje tem uma teoria sombria por trás de sua origem, a esponja quadrada e amarela não poderia ficar de fora desse padrão.

A teoria que mais circula pela internet é a de que Bob Esponja na verdade não era bem uma esponja: seria na verdade um garoto, filho de pais que eram irmãos. Isso teria feito com que o garoto viesse ao mundo com várias doenças, como esquizofreniaretardamento mentalpsicopatia e etc.

Ele seria vítima de piadas maldosas dentro e fora de casa devido às suas deficiências, situação que teria criado uma criança completamente sozinha e fria. Sua bipolaridade instável o tornaria agressivo. Certa noite, a criança teria tido uma explosão de raiva, o que teria resultado no assassinato de sua irmã mais velha — uma das pessoas que zombariam dele.

Após ser julgado, o jovem teria sido levado a um asilo graças a suas deficiências mentais. Então, ele se entregaria à esquizofrenia, criando uma cidade imaginária onde:

  • Patrick seria seu desejo por um amigo mais burro;
  • Lula Molusco representaria os valentões que caçoavam dele enquanto ele tentava fazer amizades;
  • Sr. Siriguejo representaria todas as pessoas que fingiam ser suas amigas, mas meramente tiravam proveito do mesmo;
  • Gary representaria seus pais, que deviam cuidar dele sempre;
  • Sandy seria a garota por quem Bob nutriria um amor secreto, sempre esperando que fosse recíproco;
  • E enfim, Plâncton, que representa sua irmã, que sempre zombava dele e irritava o garoto.