Aquaman | James Wan revela quanto tempo do filme se passará embaixo d’água

Faltando mais um pouco para o lançamento do trailer do filme, James Wan revelou alguns detalhes importantes do filme. O Universo do Aquman foi apresentado inicialmente em Liga da Justiça, porém a maneira como foi executada não convenceu grande parte dos fãs e dividiu opiniões, em entrevista para a Wired, Wan deixou claro que sua abordagem será, digamos, mais pé no chão:

“O mundo no qual meus personagens estão inseridos é tão diferente dos mundos que os outros heróis vivem. Eles vivem no universo DC, mas isso não é uma Gotham City. Isso não é Metrópolis. Você está indo para todos esses diferentes reinos submarinos, onde essas raças passaram a vida inteira se escondendo da civilização do mundo, da superfície. Eu diria que talvez dois terços ou metade do filme [está debaixo d’água]. É um filme de viagem, então desce e sobe e desce. O público pode ficar um pouco claustrofóbico”.

“Eu não queria fazer um filme de terror”, disse Wan em uma entrevista passado . “Não é disso que se trata. Acontece que você está lidando em um mundo que é lindo, mágico, mas ao mesmo tempo, você sabe, assustador também. As pessoas têm pavor do oceano porque não sabe o que está lá embaixo. Há todas essas criaturas que vivem no oceano e que são perigosas”.

“Eu sinto que a coisa boa de ter algo que não está realmente estabelecido é que eu tenho a oportunidade de definir o mundo, definir o tom e o sabor de quem é esse cara e do mundo em que ele vive. “Wan acrescentou. “Isso é o que amamos nos super-heróis, certo? Nós amamos quando eles representam a melhor parte de quem queremos ser, certo? O que nós lutamos e o que aspiramos a ser. E eu acho que o que eu mais gostei sobre esse personagem, e na verdade o que Jason Momoa traz para isso, é a ideia de que este é um cara que está meio preso entre dois mundos, ele não se sente como se pertencesse ao mundo da superfície, mas ele não se sente como se pertencesse ao mundo de Atlântida também, o mundo subaquático”.

O filme revela a história de origem do meio-humano, meio-Atlante Arthur Curry, levando-o na jornada de sua vida — uma jornada que vai forçá-lo a não só encarar sua verdadeira identidade, mas também a descobrir se ele tem o que é necessário para ser… um rei.

Via: ComicBook

 

Raysom

Bacharel em Administração, DCnauta de coração, empreendedor viciado em chá, guitarrista aposentado, co-fundador da DC Brasil Club, Sindicato Nerd e Marvel Brasil Club.

%d blogueiros gostam disto: